Empresa Low-Cost com Software Livre

Lei n.º 36/2011, Normas Abertas e Open Document Format | Software Livre de Gestão e Facturação | Ambientes empresariais em Software Livre
Com a evolução dos softwares e da consciencialização das empresas, hoje questiona-se até que ponto todo o suporte digital criados por ferramentas proprietárias permitem uma liberdade tecnológica aos seus utilizadores (isto é, a liberdade de poder permutar de software sem a perca da sua integridade), e a interoperabilidade dos seus sistemas informáticos com os dos seus parceiros profissionais ou pessoais.
O exemplo dos documentos digitais e as ferramentas de escritório têm hoje um papel preponderante na sociedade de informação, começando a substituir o próprio papel e assumindo as mais variadas formas e suportes.
Desta forma é importante dar a conhecer outras opções à sociedade, permitindo às entidades estatais, estabelecimentos de ensino e empresas, reduzir custos em licenças onerosas, permitindo uma fácil evolução e adaptação às ferramentas de software livre.

Local
Auditório da Expoeste – Caldas da Rainha

Data
28 de Maio de 2015  |  14H15

Ficha de Inscrição gratuita

Sessão de formação: LibreOffice e Documentação Digital Livre na educação – Coimbra

O Centro de Formação da Associação Nacional de Professores de Informática vem propor mais uma sessão de formação de curta duração sobre LibreOffice e Documentação Digital Livre na educação, com a colaboração da Comunidade LibreOffice Portugal

Sessão de Formação: LibreOffice e  Documentação Digital Livre na Educação

Objetivos:

LibreOffice

Abordar as Normas Abertas, Interoperabilidade Digital e LibreOffice.

Esclarecer e difundir a utilização dos formatos de documentos abertos, inteirar sobre a interoperabilidade digital e atribuir competências iniciais aos formandos para trabalhar com a ferramenta de escritório livre, o LibreOffice4 e alguns dos principais módulos, o processador de texto Writer e a folha de cálculo Calc.

Responder à crescente necessidade e procura por parte de profissionais, professores e estudantes, de ferramentas de escritório de custo reduzido ou nulo, que possam responder às actuais necessidades de mercado e ao mesmo tempo respeitem as normas do mais recente standard europeu para documentos e modelos de documento aberto aprovado como ISO 26300.

Formador: Adriano Afonso | Comunidade LibreOffice Portugal

Local: Coimbra, Escola Secundária Avelar Brotero

Data: 17 de abril, pelas 16 horas

Confirmação  das inscrições: 13 de abril de 2015

Mais informações e inscrições aqui!

Pré-requisito:

  • A sessão será dinamizada com o mínimo de 10 inscrições

Critérios de seleção:

  • 1º Ser sócio da ANPRI
  • 2º Pertencer ao grupo de Informática
  • 3º Outros participantes

Condições:

  • Sócio, com as quotas em dia.
  • Não Sócio: 5 €

É necessário trazer computador portátil  com LibreOffice instalado – Transferir aqui!

Comunidade na OesteCIM – Desenvolvimento Local – Meio Rural e Agricultura

caae-oestecimA OesteCIM, no âmbito do ROE, vai realizar no próximo dia 15 abril de 2015, uma ação dedicada ao Desenvolvimento Local – Meio Rural e Agricultura.

A Comunidade Intermunicipal do Oeste, no âmbito da Rede Oeste Empreendedor (ROE), vai realizar no próximo dia 15 abril de 2015, uma ação dedicada ao Desenvolvimento Local – Meio Rural e Agricultura, que tem inicio às 9h30, na sede da OesteCIM em Caldas da Rainha.

Esta ação de apoio ao empreendedorismo, compreende três fases: o Atelier de Ideias, realizado da parte da manhã, com a presença do Dr. Sérgio Félix, da AIRO, do Dr. José Coutinho, da Leader Oeste e do Dr. Adriano Afonso da Comunidade LibreOffice Portugal. O período da tarde tem inicio com uma Ação Coletiva de Maturação de Ideias, na qual é desenvolvido um brainstorming de ideias ente mentores e empreendedores. E ainda, da parte da tarde, com inicio às 15h15, vai realizar-se uma Formação Coletiva Especializada, com a participação da AIRO, Leader Oeste e, ainda, a participação do Engº. Telmo Dias, da Cooagrical.

A Rede Oeste Empreendedor é uma iniciativa aprovada pelo Programa Operacional Regional do Centro (Mais Centro) com o objetivo geral a implementação de ações suportadas em rede de parceria na Região Oeste com vista à promoção e implementação de ações no âmbito do Empreendedorismo. Pretende-se promover a criação de um ecossistema empreendedor, apoiado na estruturação e coordenação de uma rede regional que crie sinergias e condições de eficácia e eficiência no domínio do apoio ao empreendedorismo de base local.

Programa

Ficha de inscrição gratuita

Sessão de formação: LibreOffice e Documentação Digital Livre na educação – Porto

O Centro de Formação da Associação Nacional de Professores de Informática vem propor mais uma sessão de formação de curta duração sobre LibreOffice e Documentação Digital Livre na educação, com a colaboração da Comunidade LibreOffice Portugal

Sessão de Formação: LibreOffice e  Documentação Digital Livre na Educação

Objetivos:

LibreOffice

Abordar as Normas Abertas, Interoperabilidade Digital e LibreOffice.

Esclarecer e difundir a utilização dos formatos de documentos abertos, inteirar sobre a interoperabilidade digital e atribuir competências iniciais aos formandos para trabalhar com a ferramenta de escritório livre, o LibreOffice4 e alguns dos principais módulos, o processador de texto Writer e a folha de cálculo Calc.

Responder à crescente necessidade e procura por parte de profissionais, professores e estudantes, de ferramentas de escritório de custo reduzido ou nulo, que possam responder às actuais necessidades de mercado e ao mesmo tempo respeitem as normas do mais recente standard europeu para documentos e modelos de documento aberto aprovado como ISO 26300.

Formador: Adriano Afonso | Comunidade LibreOffice Portugal

Local: Porto, Universidade Portucalense

Data: 2 de maio, pelas 9.30h até às 13.00h

Confirmação  das inscrições: 27 de abril de 2015

Mais informações e inscrições aqui!

Pré-requisito:

  • A sessão será dinamizada com o mínimo de 10 inscrições

Critérios de seleção:

  • 1º Ser sócio da ANPRI
  • 2º Pertencer ao grupo de Informática
  • 3º Outros participantes

Condições:

  • Sócio, com as quotas em dia.
  • Não Sócio: 5 €

É necessário trazer computador portátil  com LibreOffice instalado – Transferir aqui!

Sessão de formação: LibreOffice e Documentação Digital Livre na educação

O Centro de Formação da Associação Nacional de Professores de Informática vai realizar uma sessão de formação de curta duração sobre LibreOffice e Documentação Digital Livre na educação, com a colaboração da Comunidade LibreOffice Portugal.

Objetivos:

Abordar as Normas Abertas, Interoperabilidade Digital e LibreOffice.

Esclarecer e difundir a utilização dos formatos de documentos abertos, inteirar sobre a interoperabilidade digital e atribuir competências iniciais aos formandos para trabalhar com a ferramenta de escritório livre, o LibreOffice e alguns dos principais módulos, o processador de texto Writer e a folha de cálculo Calc.

Responder à crescente necessidade e procura por parte de profissionais, professores e estudantes, de ferramentas de escritório de custo reduzido ou nulo, que possam responder às actuais necessidades de mercado e ao mesmo tempo respeitem as normas do mais recente standard europeu para documentos e modelos de documento aberto aprovado como ISO 26300.

Formador: Adriano Afonso | Comunidade LibreOffice Portugal

Local: Lisboa, Fundação Portuguesa das Comunicações

Data: 21 de Fevereiro, pelas 9.30h até às 13.00h

Confirmação  das inscrições: 16 de fevereiro de 2015

Mais informações e inscrições aqui!

Pré-requisito:

A sessão será dinamizada com o mínimo de 10 inscrições
Critérios de seleção:

1º Ser sócio da ANPRI
2º Pertencer ao grupo de Informática
3º Outros participantes
Condições:

Sócio, com as quotas em dia.
Não Sócio: 5 €
É necessário trazer computador portátil com LibreOffice instalado.

Comunidade no Evento Linux 2014

O Evento Linux 2014 – XII Encontro Nacional sobre Tecnologia Aberta – o maior evento português de Open Source, é organizado pela Syone pelo 12.º ano consecutivo, com a co-organização da Caixa Mágica. O tema principal do Evento é “Understanding the Present, Predicting the Future“, com o objectivo de mostrar casos emblemáticos de aplicações Linux e Open Source, nacionais e internacionais.

Este ano irá contar com a presença de Adriano Afonso, Fundador da Comunidade LibreOffice Portugal, que irá falar sobre os porquês de mudar para uma ferramenta Office livre.

Este ano, o evento decorrerá novamente no Pólo Tecnológico de Lisboa – Lispolis, nomeadamente no Auditório do Fórum Tecnológico, em Telheiras, Lisboa, no dia 25 de Setembro de 2014 (ver local).

A participação no evento é totalmente livre e gratuita, mas devido às limitações do espaço as inscrições são obrigatórias. Inscreva-se já e garanta o seu lugar no mais importante encontro sobre tecnologia aberta: aqui.

Comunidade LibreOffice Portugal no Linux Install Fest II

A Comunidade LibreOffice Portugal esteve no passado sábado, dia 26 de Abril de 2014, no Linux Install Fest II, no Cybercentro de Castelo Branco, na sequência do Dia da Liberdade Documental e das comemorações do 25 de Abril.
Com alguma afluência, o evento foi frutífero na resposta a algumas questões e na mostra das capacidades do software livre, assim como na passagem da mensagem da necessidade da redução de custos a todos os níveis em Portugal. O Manual Aberto de TIC e LibreOffice foi mais uma vez apresentado e descarregado em tempo real através de um código Qrcode.

O evento não só contou com a presença de Adriano Afonso como também de Sandra Coelli com um Workshop de Colibri, um programa de gestão comercial promissor, como também com Bruno Santos com um Workshop de Raspberry Pi. Tiago Santos, em paralelo esteve a auxiliar alguns dos presentes com uma explicação e demonstração de um Raspberry Pi.

Comunidade LibreOffice Portugal lança livro electrónico que ajuda à redução de custos na formação e na educação

No passado dia 29 de Março Portugal comemorou o Dia da Liberdade Documental num evento que decorreu no ISCTE, juntando-se a uma iniciativa espalhada por mais de 20 países, com o intuito de alertar governos, instituições e empresas, bem como indivíduos a libertar os seus documentos dos formatos proprietários. Isto é, por exemplo, a utilização do formato ODT em detrimento de formatos utilizados por defeito nos pacotes de escritório da Microsoft como o DOC e o DOCX.

Com vista a ajudar professores, formadores e os próprios alunos e formandos, Adriano Afonso, fundador da Comunidade LibreOffice Portugal e membro pro bono da The Document Foundation, lançou um manual totalmente livre e aberto, que ajuda os destinatários a trabalharem com este tipo software. O projecto foi apresentado em Paris na primeira conferência de LibreOffice em 2011 e 3 anos depois, como resultado dos 17 profissionais da área da educação e formação que fazem parte da equipa, resultaram em 250 páginas que podem ser usadas em qualquer contexto de formação e educação, pois o manual respeita o Quadro Nacional de Qualificações.

qr_playAlerta também para a obrigatoriedade para junho próximo da Lei das Normas Abertas (Decreto Lei 36/2011) e para o RNID (Regulamento Nacional de Interoperabilidade Digital), este manual visa dar uma resposta às necessidades que se avizinham de todos aqueles que operam todos os dias com documentos.

O Manual Aberto de TIC e LibreOffice está, por enquanto, apenas disponível em formato digital na Google Play Store por um valor simbólico e gratuitamente para quem se pretenda agregar à comunidade.

Dia da Liberdade Documental 2014

DFD2014No próximo dia 29 de Março de 2014, a Comunidade LibreOffice Portugal, a ANSOL e o Mestrado em Software de Código Aberto do ISCTE celebram o Dia da Liberdade Documental (Document Freedom Day) e convidam-te, bem como aos teus amigos a estarem presentes. A celebração deste dia regista-se no mundo inteiro, sendo que pode decorrer entre os dias 22 e 30 de Março.

Inscreve-te já! Apesar de não ser obrigatória, a inscrição ajuda-nos a planear um bom evento. 🙂

Agenda

  • 14h – 18h Palestras e Debates
    • 14h-14h30 // Prof. Carlos Costa e Rui Seabra – Painel de Abertura
    • 14h30-15h // Alexandre Marreiros (html5pt.org) – HTML5 and the new Web Order
    • 15h-15h30 // Sérgio Prazeres (use.com.pt) – Sistemas de Informação Geográfica em formatos Livres
    • 15h30-16h // Tiago Carrondo (ubuntu-pt.org) – Formação com Software Livre
    • 16h-16h30 // Ana Branco (ama.pt) – [a definir]
    • 16h30-17h // Adriano Afonso (libreoffice.pt) – Manual TIC e LibreOffice
    • 17h-18h // Debate – Documentação e CMS’s

     

Actualização constante em http://ansol.org/dfd2014

FLiP 9

caixaFLiP9_200Embora este produto não seja software livre, é uma excelente solução de uma empresa Portuguesa como extensão ao LibreOffice na plataforma Windows. Uma licença foi gentilmente oferecida pela Priberam ao projecto do Manual TIC e LibreOffice, para a sua correcção e revisão.

O FLiP 9, disponível através de www.flip.pt, é a nona versão do pacote de ferramentas de revisão e auxílio à escrita da Priberam e o único que inclui um corrector ortográfico, um dicionário e um conversor para o novo Acordo Ortográfico. Permite fazer a correcção ortográfica de um texto, apresentando sugestões adequadas para os erros assinalados e contém nove dicionários temáticos para melhor correcção de textos de áreas técnicas. Ao activar um ou mais destes dicionários, o corrector ortográfico passa a incluir as palavras próprias dessa área, verificando-as e apresentando sugestões sempre que houver incorrecções.

Uma das grandes diferenças dos dicionários e correctores normais é que o FLiP, ao contrário destes que apenas verificam as palavras isoladamente, faz uso do corrector sintáctico que analisa frases completas, detectando erros estruturais ou de concordância e sugerindo a sua correcção.

O dicionário de sinónimos é uma ferramenta especialmente útil para evitar repetições de palavras. Através deste dicionário é possível obter sinónimos para uma dada palavra, divididos por acepções e categorias gramaticais, permitindo uma escolha mais alargada. O dicionário de sinónimos para português do Brasil inclui também antónimos

Da experiência e dos resultados obtidos, em plataforma Microsoft Windows, esta é sem dúvida uma extensão a adquirir. Esta encontrou inúmeros erros, espaços e discordâncias gramaticais que tinham passado despercebidas a olho nu.

Caso pretenda adquirir esta extensão, após a sua primeira instalação, convêm rever se as seguintes configurações foram devidamente aplicadas. Nesta janela em “Ferramentas > Opções > Definições de idioma > Auxiliares de escrita > Módulos linguísticos disponíveis > Editar” apenas devem estar seleccionadas as caixas de verificação do FLiP.

modulos

A Comunidade LibreOffice Portugal quer deixar aqui os agradecimentos à Priberam pela sua gentil oferta e apoio.